PORQUE LIMPAR OS DISCOS

Discos de vinil continuam sendo apreciados em todo o mundo. Não apenas pela magia do ritual que envolve a audição de um LP, mas também pela naturalidade, calor, corpo e fidelidade do som analógico, virtudes jamais equiparadas por formatos digitais.

O que frustra são aqueles indesejáveis e, para alguns, até "charmosos" ruídos que não fazem parte da gravação, mas sim "vêm de brinde" junto com o LP. Partículas de sujeira incrustadas nos sulcos do disco que no caminho da agulha acabam ganhando vida sonora: "Clics" e "Plocs" e o famoso chiado semelhante ao ruído de fritura.

É o que escutamos ao tocarmos discos não realmente limpos.

Além desses ruídos, outra importante conseqüência é o fato da agulha agir como uma lixa ou esmeril ao transportar e provocar o atrito dessas partículas de sujeira contra as paredes dos sulcos, o que acaba causando danos. Tais danos, mesmo microscópicos, terminam por se incorporar definitivamente ao registro sonoro, passando a ser parte indissociável de discos muitas vezes insubstituíveis. Ficam "gravadas e tocadas" para sempre no seu LP.
E, como se isso não bastasse, a agulha também sofre danos microscópicos e desgasta-se mais depressa.

Outros problemas decorrem do acúmulo da sujeira no sulco, formando uma crosta que mascara especialmente os detalhes mais delicados do registro sonoro. A percussão em metais soa como se pratos estivessem danificados, cobertos por panos ou fossem percutidos com baquetas amortecidas por pontas de feltro. O pianista parece usar sempre os pedais para abafar a notas mais altas. O “s” no fim das palavras enfraquece ou some.

Alguns métodos de lavagem que não envolvam sucção podem até agravar tais problemas, ao transformar a sujeira sólida em uma argamassa fina que irá funcionar como um reboco que recobre os mais delicados registros.

Daí termos motivos mais do que razoáveis para mantermos nossos LPs realmente limpos:

1) Qualidade sonora
2) Conservação do LP
3) Manter a agulha limpa, aumentando consideravelmente sua vida útil.

Isso apenas para enumerar os mais óbvios.

COMO FUNCIONA

A grande vantagem comparativa do uso de máquinas de lavagem de discos sobre outros métodos é o emprego da sucção.

As inúmeras receitas e métodos existentes, mesmo incluindo um enxágüe ou imersão em água abundante, não eliminam os detritos acumulados nas partes mais profundas dos sulcos. É aí que a sucção faz a diferença, ao tragar a sujeira levando-a embora, sem permitir que ela se deposite em outro ponto no disco.

Além da sucção, a eficácia desse sistema também conta com um importante aliado: o líquido de limpeza, cuidadosamente formulado para ser eficaz, não atacar os componentes do vinil e não deixar resíduos.

Em um primeiro passo, o líquido de limpeza infiltra-se profundamente e dissolve ou descola a sujeira, formando uma solução e suspensão da sujeira (uma “sopa”). A escova de limpeza auxilia a deslocar a sujeira, expondo, ao mesmo tempo, mais material indesejável a ação do líqüido.

Após a diluição da sujeira, a sucção encarrega-se de sugar a “sopa de detritos”, deixando o disco sem qualquer matéria estranha. Ou seja, limpo, sem resíduos e 100% seco, pronto para uma audição ou gravação límpida e clara.

RESULTADOS E CARACTERÍSTICAS

De forma geral, o resultado deixa a impressão de que foi "retirada uma cortina da frente das caixas acústicas".
O som do LP ressurge com um brilho e nitidez que o ouvinte jamais imaginara existir.
 
Ressaltando:

MÁQUINAS PHK

As máquinas de lavar LPs PHK trazem esse sistema até você, até então ausentes para o mercado nacional. São o resultado de um projeto desenvolvido com muita dedicação e seriedade, primado pela minuciosa atenção aos detalhes, resultando em um produto final confiável e eficiente.

Um projeto elaborado com foco em 4 pontos fundamentais:

1) Eficiência: um produto que garante os mesmos resultados das consagradas máquinas importadas
2) Qualidade: um produto feito com componentes de alta qualidade
3) Baixo custo: um produto de custo acessível ao mercado nacional
4) Estética: Um produto de belo acabamento, obviamente respeitando-se as limitações de um produto não industrializado, mas sim artesanal
 
Projetadas para serem utilizadas em conjunto com aspiradores de pó domésticos, as máquinas PHK são extremamente compactas. E entregam os mesmos resultados das caríssimas máquinas importadas: Discos microscopicamente limpos.